Terapia de Regressão de Memória: TVP, TR ou TRM

Há algumas nomenclaturas para a mesma Terapia: Terapia de Vida Passada, Terapia Regressiva ou popularmente Regressão de Memória .

É uma forma de Psicoterapia Transpessoal, essa Terapia lida com estados alterados de consciência onde as pessoas relatam acontecimentos em tempo e lugar estranho ao seu conhecimento.

A pessoa hipnotizada pode recordar informações armazenadas na memória profunda, trazendo-as à tona e assim utiliza-se para eliminar as causas de dificuldades emocionais, físicas e mentais É possível, pois a pessoa fica livre de resistências, aceitando estímulos que a levam a momentos marcantes da sua existência seja nessa ou em outra vida.

Durante esse transe, a pessoa pode lembrar perfeitamente de detalhes que não tinha consciência que havia registrado.

Na década de 50, Morey Bernstein, hipnólogo amador, usando a técnica da regressão de idade, levou uma mulher cada vez mais longe para o passado, tendo dado comandos para que ela voltasse além do próprio nascimento, então ela começou a falar de uma vida anterior quando tinha o nome de Bridey Murphy, originando em um livro publicado em 1956 que causou grande controvérsia nos Estados Unidos.

O uso da hipnose para investigar as vidas passadas estava lançado e muitos passaram então a usar a hipnose em suas pesquisas sobre as vidas passadas.

Durante a sessão de regressão a pessoa pode além de recordar fatos e até vivenciá-los e comportando-se da mesma forma que costumava na idade em que regrediu.

A Regressão de Idade pode ser confundida com a hiperminésia, que ocorre quando temos lembranças nítidas do passado, mas consciente que é passado.

A pessoa traz complexos inconscientes que podem ser ativados e se manifestar, de alguma forma em seu corpo atual, advindas de outras encarnações, gerando sintomas ou comportamentos inadequados à personalidade atual.

O Terapeuta procura então levar a pessoa a descobrir no passado a origem do problema apresentado, localizando a situação traumática e desativando as cargas somáticas, emocionais, cognitivas e imaginativas que constituem os complexos.

Ao ajudar a remover sintomas, trabalhar emoções, modificar pensamentos e comportamentos, resignificar novas opções de vida sem voltar a repetir erros do passado e encontrar uma nova perspectiva de vida, mais ampla e orientada para o crescimento espiritual, a Terapia contribui para o individuo encontrar um novo ponto de equilíbrio interior.

      Mas atenção esteja ciente que nem sempre as imagens de outras vidas aparecem com facilidade para todas as pessoas surgem prontamente nas primeiras sessões, é uma Terapia que requer paciência e dedicação, que leva a um equilíbrio holístico do ser humano.